Quem Somos

O Meliponário Rei da Mandaçaia é um empreendimento familiar especializado na criação, conservação e manejo de Abelhas Sociais Sem Ferrão de ocorrência natural no estado da Bahia, estamos a mais de 20 anos criando, multiplicando e contribuído para preservação destes pequenos magníficos animais. O nosso empreendimento é cadastrado no IBAMA CTF: 1681253, no Site é possível encontrar fotos da produção e muitas informações a cerca desta atividade, nosso meliponário principal está situado no Distrito de Hidrolândia - Uibaí e em Cruz das Almas no Recôncavo da Bahia.

Responsável Técnico: Engenheiro Agrônomo/Mestre em Ciências Agrárias, Márcio Pires de Oliveira / CREA/BA40051 Email: meliponarioreidamandacaia@hotmail.com


quinta-feira, 15 de março de 2012

Governo vai investir R$ 4,5 milhões em produção de mel de abelhas nativas

Por Tatiana Campos,
Um produto valorizado, rentável, e que ao invés de destruir a floresta, preserva. É na produção de mel que o Governo do Estado vai investir R$ 4,5 milhões, em parceria com o Governo Federal, para oferecer mais uma alternativa de renda aos produtores familiares. Nesta quarta-feira, 14, o governador Tião Viana visitou um dos produtores que está apostando neste projeto, em Mâncio Lima.
Nesta quarta-feira, 14, o governador  Tião Viana visitou um dos produtores que está apostando neste projeto, em Mâncio Lima  (Sérgio Vale/Secom)
Nesta quarta-feira, 14, o governador Tião Viana visitou um dos produtores que está apostando neste projeto, em Mâncio Lima (Sérgio Vale/Secom)

“Eu trabalhava com o mel, mas era de uma forma mais rudimentar. Agora, com as orientações que eu tô recebendo, eu acredito que a produção vai melhorar, a técnica é melhor e o lucro será maior. É um negócio bom porque dá pra trabalhar junto com as outras atividades da propriedade”, disse o produtor Raimundo Alencar Moraes, que está com 10 caixinhas de produção de mel de abelhas sem ferrão.
O secretário de Pequenos Negócios, José Reis, explica que o Governo do Estado está investindo, em recursos próprios, R$ 1 milhão. E o que os demais investimentos serão executados através de parceria com o Governo Federal.
Um produto valorizado, rentável, e que ao invés de destruir a floresta, preserva. É na produção de mel que o Governo do Estado vai investir R$ 4,5 milhões, em parceria com o Governo Federal (Sérgio Vale/Secom) 
Um produto valorizado, rentável, e que ao invés de destruir a floresta, preserva. É na produção de mel que o Governo do Estado vai investir R$ 4,5 milhões, em parceria com o Governo Federal (Sérgio Vale/Secom)
“O governador Tião Viana decidiu que a produção é uma área prioritária do governo e melhorar a qualidade de vida e as condições de trabalho do produtor rural, com novas oportunidades de renda, é a nossa meta maior. O mel é um produto com preço garantido e que oferece um excelente retorno para o produtor”, complementou. Para o governador Tião Viana, além de melhorar a renda do produtor rural, a produção de mel contribui coma preservação da floresta através de polinização das espécies da flora.
Engioberto Flach, da Secretaria de Pequenos Negócios, profundo conhecedor da área, é um dos responsáveis pelo projeto. “Essa primeira etapa começou há seis meses e já vemos alguns resultados. É, com certeza absoluta, uma alternativa de renda viável. É a verdadeira atividade sustentável na nossa floresta” comentou. 
O governo está incentivando a produção de mel de abelhas com e sem ferrão. O preço do litro do mel chega a custar R$ 160 em São Paulo. “Em Rio Branco eu já vendi litros a R$ 100 e R$ 120. É um produto valorizado”, acrescentou Flach.

Um comentário:

  1. Estou começando a criação de abelhar nativas e também estrangeiras. como faço para ser beneficiado pelos recursos do governo. eu sou da região de minas gerais. meu nome é Paulo Cesar e meu email é pc_caete@yahoo.com.br

    ResponderExcluir